segunda-feira, 23 de março de 2020


(Por Vladimir Barreto).

Com o objetivo de incentivar a economia local durante o período de crise, além do aumento da proteção contra o COVID-19, o Vereador Lula Tôrres sugeriu ao Poder Executivo, que seja feita uma parceria entre os feirantes do setor têxtil da sulanca e algumas secretarias, para a produção de máscaras de proteção. 

De acordo com especialistas, o uso da máscara é recomendado para profissionais de saúde e pessoas com quadro confirmado ou suspeito de coronavírus. Tosse, coriza, febre e falta de ar necessitam do uso desse equipamento para evitar a proliferação. A parceria entre os feirantes e a Prefeitura poderia resultar em um incentivo a economia familiar desses comerciantes, já que a procura pelo material é no país inteiro.

Durante o período de crise, diversos estabelecimentos fecharam as portas, assim como a Feira da Sulanca também foi suspensa. “Nossa ideia é incentivar o trabalho e remuneração de quem mais sofre neste período de alerta. Existem diversos pais de família que necessitam sustentar suas casas, e dessa forma, com a alta procura desses materiais de proteção, incentivamos o comércio e garantimos o sustento, uma vez que todo o país necessita da fabricação das máscaras” destacou o Vereador Lula Tôrres. 

A ideia foi levada até a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Economia Criativa da Prefeitura, onde o titular da pasta, André Teixeira Filho, garantiu que já está em diálogo com a Prefeita Raquel Lyra sobre o assunto.

>>FONTE: Via Assessoria de Imprensa / Leonardo Santos.