segunda-feira, 26 de outubro de 2020


(Via Assessoria).

O Instituto de Pesos e Medidas de Pernambuco – Ipem/PE realizou, entre os dias 08 a 22 de outubro, uma fiscalização em  postos de combustíveis, no Sertão pernambucano. A ação teve o objetivo de verificar se os instrumentos marcavam corretamente a quantidade de combustível e de proteger o consumidor de possíveis irregularidades que lhes causem prejuízo.

Durante a blitz foram verificados 1.470 instrumentos, dos quais 293 foram reprovados. Dos 193 postos vistoriados, 97 apresentaram não conformidades. Entre as irregularidades detectadas estavam: mau estado de conservação da bomba e vazamento de combustível.  A ação também interditou 11 equipamentos por apresentarem erro de medição superior ao máximo admissível. Os postos foram notificados e têm até 10 dias para apresentar defesa junto ao instituto.

(Via Assessoria).

De caráter obrigatório, as verificações periódicas são efetuadas anualmente e sempre que o equipamento sofrer um reparo ou manutenção. A verificação da bomba consiste em uma série de procedimentos, a começar pela inspeção visual, onde são verificadas a inscrições obrigatórias, funcionamento, conservação, itens de segurança e selo do Inmetro. Em seguida, iniciam-se os ensaios propriamente ditos, nos quais os fiscais do instituto verificam se existe algum defeito ou adulteração de modo a influir na quantidade de combustível entregue.

De acordo com o Presidente do Ipem-PE, Adriano Martins, o órgão vem trabalhando diariamente no combate às irregularidades com o objetivo de proteger o consumidor. “A confiabilidade das medições nas bombas de combustíveis é de fundamental importância para evitar possíveis  prejuízos. Durante o abastecimento, é importante  o consumidor observar se a bomba está zerada, se os dígitos estão legíveis e se existe o selo de verificação do Inmetro nas bombas, pois ele é a garantia de que o equipamento passou por verificação do Ipem.”

O consumidor que suspeitar de possíveis irregularidades, pode entrar em contato com a ouvidoria do Ipem, pelo telefone 0800 081 1526 ou através do formulário de denúncia no site www.ipem.pe.gov.br e realizar sua denúncia.

(Via Assessoria).

Confira a lista de municípios em que ocorreram as fiscalizações:

Araripina, Betânia, Bodocó, Brejinho, Calumbi, Carnaíba, Cedro, Custódia, Exu, Flores, Granito, Ibimirim, Ipubi, Itapetim, Mirandiba, Moreilândia, Salgueiro, Santa Cruz da Baixa Verde, Santa Terezinha, São José do Belmonte, São José do Egito, Serra Talhada, Sertânia, Solidão, Tabira, Trindade, Triunfo, Tuparetama, Verdejante.

>>FONTE: Via Assessoria de Comunicação e Imprensa / Nathalya Costa.